Home > registro > O inverno está aqui
21/06/2022 registro

O inverno está aqui

Onda de frio intenso já atingiu o Brasil em pleno outono, mas o inverno deste ano é propício para mais eventos extremos

A temporada de inverno no hemisfério sul teve início nesta terça-feira (21), mais especificamente às 6h13, e poderá ser mais fria que a média dos últimos anos. Segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (INMET), a região Sul do Brasil deve esperar chuvas abaixo da média em sua maior parte, em decorrência dos impactos do fenômeno La Niña. Entretanto, as áreas a oeste do Paraná, Santa Catarina e também o extremo Sul do Rio Grande do Sul podem contar com chuvas ligeiramente acima da climatologia.

A entrada de massas de ar polar, principalmente entre os meses de julho e agosto, poderão provocar declínio abrupto das temperaturas, com previsão de clima próximo e abaixo da média prevista para o Sul, assim como a ocorrência de geada em algumas localidades, especialmente as mais altas. Entretanto, a tendência não é de frio intenso e constante para este inverno, apesar da probabilidade de períodos muito frios de longa duração.

Segundo o MetSul Meteorologia, o inverno não só é o período do ano em que se há menor tempo de incidência de luz solar no hemisfério sul, como também é caracterizado por eventos extremos de frio. Já em maio deste ano, ainda no outono, uma intensa e incomum onda de frio para a época trouxe temperaturas baixas em 17 estados e no Distrito Federal. Ainda não se sabe se este foi o grande evento extremo de 2022, ou se ainda podem ocorrer um segundo ou terceiro. Previsões climáticas podem antecipar meses mais frios ou quentes, mas acabam não identificando eventos extremos de frio em meses de temperatura perto ou acima da média. Contudo, com base nas múltiplas variáveis e análises, o risco de episódios potentes de ar polar é maior em 2022 do que na maioria dos anos.


Chapecó Veste Amor

Ao adentrar o período mais frio do ano, a Prefeitura de Chapecó intensificou as ações de arrecadação para a Campanha do Agasalho. A campanha conta com mais de 50 pontos de recebimento, posicionados em diversos espaços públicos, entidades e empresas parceiras.

Os interessados em colocar um ponto de arrecadação podem ligar para a Secretaria de Assistência Social pelo telefone (49) 3319-1209. Este também é o telefone da Central de Doações, que ainda recebe e busca roupas, móveis e alimentos não perecíveis. A Central de Doações fica na rua Marechal Deodoro da Fonseca, 562 D. A campanha se estende até o dia 15 de julho e a expectativa é arrecadar 40 mil peças.


Atenção para doenças respiratórias

Durante a última onda de frio intenso, a Secretaria de Saúde de Chapecó alertou a população para que tomasse os cuidados necessários frente ao aumento de casos de doenças respiratórias, como Covid e Influenza.

A diretora de Atenção à Saúde, Gessiani Fátima Larentes, aconselhou a população para que buscasse a vacina como forma de prevenção e também seguisse as orientações do que ela chamou de “consciência sanitária”, como utilizar máscaras em locais de atendimento de saúde. O Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde também emitiu um alerta de atenção para que as pessoas mantenham ambientes arejados e usem máscaras em locais fechados e de aglomeração, e que busquem atendimento nos serviços de saúde em caso de sintomas respiratórios.

Desde o dia 8 deste mês, as unidades de Saúde Leste e do bairro Jardim América atendem em horário ampliado, das 7h às 19h.


Fotos: Unsplash

AUTOR

Fernando Bortoluzzi

Jornalista e explorador em busca de expansão e conexão.
LEIA TAMBÉM